Kepa, omenaldiril hoberena, garaipena! / Kepa, el mejor homenaje, la victoria!

Kepa funeral copy

Herritar Batasuna

(Versão em espanhol no fim do artigo)

Kepa del Hoyo ez da espetxean hil. Espetxeak hil egin du. Inor ez da presondegian hiltzen. Presondegiek hil egiten dute, torturatzeko tresnak direlako. Sistema inperialista, kapitalista eta patriarkal honek zapaldu guztion aurka etengabe erabiltzen duen biolentzia mugagabearen beste tresna bat direnez, kartzelak makina hiltzaileak dira. Edonon. Continuar a ler

O pensamento colonial de Jorge Dias

Jorge Dias

Ana Barradas

Há precisamente 40 anos, o Estado Novo supunha que as opiniões políticas de Jorge Dias sobre a situação em que se encontravam as colónias que acabava de visitar, a convite de Adriano Moreira, seriam acima de toda a suspeita, por se tratar de uma figura académica prestigiada, não afecta ao regime e cuja capacidade de análise era reconhecida por todos. Por isso o escolheu para fazer um estudo sobre as “minorias étnicas das províncias ultramarinas”. Continuar a ler

O fim da obediência

china mulhers

Ana Barradas

Vem a propósito de centenário de Mao Tsé-tung recordar os acontecimentos que na China marcaram o espantoso progresso das mulheres promovido pela revolução, que as fez transpor em poucos anos um atraso de séculos. Foi esse prodígio que se repercutiu ao longo de décadas no resto do mundo, rasgando novos horizontes ao movimento feminista e restituindo ao campo revolucionário uma causa que os revisionistas tinham condenado ao esquecimento. Continuar a ler